Lifestyle, Teatro, Livros, Cinema e TV

Livros que nos fazem viajar 09/2015 – D. Teresa de Távora, a Amante do Rei

Já lá vai algum tempo desde o meu ultimo post, muito trabalho e algumas novidades e novos projectos para breve têm-me deixado pouco tempo para me dedicar ao blog e ao canal de Youtube como eles e vocês merecem. Mas estou de volta e hoje dou inicio a uma rubrica mensal aqui no blog, e que também terá o respectivo vídeo no canal de Youtube.

A rubrica será sobre “Livros que nos fazem viajar”, a bom rigor todos os livros nos fazem viajar, quer seja por outras realidades e vivências, por outros locais e até por outras épocas. O que pretendo aqui é trazer-vos todos os meses a sugestão de um livro, que nos permita conhecer, e nos leve “a viajar” por outra cidade, local ou país, mas tendo por base uma história que se desenrola nesses locais. O que pretendo não é trazer sugestões de roteiros de viagem, para isso aconselhava-vos os guias da American Express e da Lonely Planet ou revistas de viagens. A minha ideia é que através da leitura destes livros sejam “transportados” para estes locais, e sempre que possível irei fazer posts e vídeos complementares com a visita aos locais dos livros.

2015-09-06 20.43.21.jpg

Bem, e depois desta introdução gigante vamos à minha sugestão para Setembro, D. Teresa de Távora – A Amante do Rei, da Autora Sara Rodi. A primeira vez que li este livro foi em 2013 aquando do seu lançamento, e quem me conhece sabe que sou uma amante de livros, e que ou leio um livro num instantinho ou então ponho de parte e não o consigo acabar. Com a D. Teresa foi amor às primeiras páginas, sabem aquela sensação de “vou chegar a casa e depois de jantar vou ler AQUELE livro”? pois era mesmo isto, e quando acaba ficamos com aquela sensação de “e agora”? Já sentia a D. Teresa como minha amiga, afinal ela fazia-me confidências todas as noites. Tenho o meu livro autografado e com uma dedicatória da autora, que já conhecia pessoalmente e é uma querida.

2015-09-06 20.43.38.jpg

A acção localiza-se em Lisboa, inicia-se no período pré terramoto de 1755 e transporta-nos de forma mágica e deliciosa para a Lisboa que é assolada pelo terramoto e se reconstrói. São personagens centrais o Rei D. José I e Sebastião José de Carvalho e Melo (Marquês de Pombal) e o padre Malagrida. Sempre narrado na pessoa de Dona Teresa de Távora. Que nos faz confidências, nos conta os segredos e mistérios da cidade, as intrigas políticas, os interesses económicos. É um romance que não foge ao rigor histórico sempre que possível, e que aborda a questão do processo dos Távora e a expulsão dos Jesuítas. 

2015-09-06 20.43.55.jpg

Uma boa actividade é depois de lerem o livro, visitarem os locais aí descritos, vou tentar fazer o mesmo. E depois deste post fiquei com imensa vontade de “reencontrar” a D. Teresa.

 

Boas leituras, Boas viagens, e fica o desejo de gravar um vídeo com a Sara Rodi para conversarmos sobre este maravilhoso livro.

 

Obrigado Sara por esta magnifica viagem à Lisboa Pombalina.