Coisas Minhas, Lifestyle

“Descomplicar” as Férias

Ás vezes estamos tão focados em fazer o que normalmente fazemos ou o que seria suposto fazermos, que acabamos por não nos apercebermos que isso não nos está a deixar felizes.

 

 

Sabem que adoro viajar, mas isso não significa que me apeteça sempre viajar, e as férias não têm de significar necessariamente sair da cidade. Gosto de praia mas para mim as férias não têm de significar obrigatoriamente praia, até porque não sou muito fã de água fria ou como diz um amigo meu fiquei mal habituada com vários anos seguidos de férias em destinos de praia com água quente. Para algumas pessoas férias sem praia, não são férias, nada contra pois cada um de nós é diferente e o que nos faz feliz também.

 

aqui-1.jpg

 

Surgiu no trabalho a oportunidade de antecipar as férias, como sou workaholic e estou sempre a pensar em trabalho, achei que me ia fazer bem esta pausa nesta altura e aproveitei, mas sem nada planeado dei por mim num frenesim (mas não no bom sentido) para escolher o destino de férias. Depois de mudar de destino várias vezes, comecei a aperceber-me que isto estava a ser uma chatice e que não me apetecia nada toda a logística de malas, avião, marcar hotel, ver as excursões, etc, coisas que adoro fazer mas que agora me estavam a deixar chateada e aborrecida, e não entusiasmada e feliz como é costume.  Acabei por chegar à conclusão que não era isto que queria fazer neste momento, não era o que realmente me apetecia.

 

 

Queria sim tirar umas férias para descansar, mas não queria fazer uma viagem grande (estou a planear esse tipo de viagem para perto do final do ano/inicio do próximo ano), também não queria repetir sítios, depois alguns dos meus amigos que costumam viajar comigo não podiam tirar férias agora e também não me apetecia viajar sozinha. Em resumo eu estava a ser uma “chata” comigo mesma.

 

 

Mas afinal, o que é que me apetecia?

 

 

Apetecia-me fazer o que costumo fazer aos fins de semana e que é muito o tema deste blog, ser turista na minha cidade e conhecer/visitar locais na cidade e arredores. Mas mais do que isso o que me apetecia era “descomplicar” as férias, acordar sem despertador e escolher no próprio dia o que fazer, sem planos prévios, ver o que que apetecia realmente fazer em cada dia, visitar um museu, almoçar num sítio giro perto do rio, dar um passeio num jardim, ir à praia ou simplesmente fazer uma maratona de séries no netflix, ou experimentar uma receita nova. Tudo é válido desde que nos deixe descansados, bem dispostos e relaxados, afinal não é para isso que as férias servem?

 

 

Como vão ser as minhas férias

 

 

Fiz uma lista de possíveis actividades e locais a visitar (descomplicar sim, mas não peçam a uma pessoa de “listas” para não fazer uma) recolhi toda a informação sobre os locais (moradas, como chegar, horários, preços,etc) e em cada dia vou decidir o que quero fazer e com toda a informação já recolhida é só decidir e pôr pés ao caminho. E talvez passe ainda uns dias também no Alentejo ou no Norte.

 

A partir de terça podem acompanhar no Instagram e facebook todas as actividades.

 

 

E as vossas férias? Como vão ser?

 

 

Espero que tenham gostado, Bons passeios, boas férias se for caso disso e até ao próximo post.

 

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *